Tipos de pincel de maquiagem: aprenda a usá-los de uma vez por todas!

conheça os tipos de pincel de maquiagem

Fazer uma make arrasadora é como pintar uma obra de arte: tudo dá certo quando você combina os produtos certos com um pouquinho de técnica, não é? Mas no meio de tudo isso, surge aquele drama sobre os tipos de pincel de maquiagem. Quais são os melhores, pra que serve cada, como usar cada tipo?

É claro que, como sua melhor amiga, a Spasso veio para te explicar de maneira simples e rápida sobre os tipos de pincel de maquiagem. Assim, especialmente para você que é super vaidosa e gosta de uma make IMPECÁVEL, vai ficar ainda mais fácil de se organizar na hora de escolher como aplicar cada produto.

Tenho que usar pincel mesmo?

Antes de tudo, a gente sabe que você deve estar se perguntando: mas, miga, tenho que usar pincéis mesmo?

Quando você faz a sua make, vale usar aquilo com que você tem mais facilidade. Ou seja, pode ser seus próprios dedos, esponjinhas, aplicadores ou os pincéis. O ideal é que você use aquilo que preferir, já que cada um tem seus prós e contras, né?

Então sem neuras! Se você gosta mesmo de usar esponjinhas ou os próprios dedos para aplicar a make, se joga! Leia aqui o que vamos explicar sobre cada pincel e, se tiver vontade de experimentar, tente também 😉

Tipos de pincel de maquiagem

Vamos ser práticas, né?

Para aprender sobre os tipos de pincel de maquiagem, vamos dividir por área do rosto. Ou seja, vamos apresentar aqueles ideais para você usar em cada etapa da sua make, assim fica mais fácil você se organizar quando estiver na frente do espelho. Vamos lá?

Tipos de pincel de maquiagem

Para base (1)

  • Esponja: elas são as queridinhas do momento e são super práticas para espalhar a base sem deixar marcada;
  • Pincel língua de gato: normalmente feito com cerdas sintéticas, esse pincel tem formato chato e é ideal para aplicar produtos cremosos, como base, primer e até corretivo;
  • Pincel base reta: entre os tipos de pincel de maquiagem, esse é para quem gosta de um acabamento bem natural. Com ele, você deve aplicar o produto em movimentos circulares e leves batidinhas. Você também pode usá-lo para aplicar BB cream e primer.

Para o corretivo

  • Pincel língua de gato pequena/média: esse tipo de pincel é ideal para cobrir olheiras e manchas na pele, já que suas cerdas finas e firmes são perfeitas para corrigir regiões maiores;
  • Esponja: assim como para a base, o corretivo pode ser aplicado com esponjinhas, principalmente as pequenas, que ajudam (e muito) na aplicação em lugares menores.

Para o pó (2)

  • Pincel de pó regular: perfeito para aplicar aquele pó compacto maravilhoso, esse é um dos tipos de pincel de maquiagem mais redondo e fofo, com cerdas naturais e mais “gordinhas”;
  • Duo fibre: sabe aquele pincel metade preto e metade branco? Esse é o duo fibre, com duas fibras diferentes e ideal para espalhar aquele pó mais fino, como o mineral;
  • Kabuk: O nome pode parecer estranho, mas você o conhece bem: é aquele pincel mais denso, arredondado e com bastantes cerdas. Para você que busca mais praticidade na aplicação do pó, esse é perfeito!

Para o contorno (3)

  • Chanfrado: esse pincel é fácil de reconhecer: com formato mais “durinho” e diagonal, facilita a aplicação do contorno porque se encaixa à maçã do rosto;
  • Oval: esse é dos muitos tipos de pincel de maquiagem que estão na moda e valem ser testados! O pincel oval é bastante ergonômico e fácil de usar, principalmente para quem não tem muita prática.

Para o blush (4)

  • Pincel tradicional para blush: como o próprio nome já diz, ele é feito para aplicar blush (mas serve pra iluminador também, tá?) e tem um formato mais chanfrado do que o pincel de pó regular, apesar de eles serem bastante parecidos;
  • Kabuk: assim como para aplicar o pó, o pincel kabuk também pode ser usado para aplicar o blush. Com cerdas arredondadas e levemente pontudas, ele é perfeito para um toque suave.

Para delinear (5)

  • Topo reto: para delinear, não existem muitos tipos super específicos de pincel de maquiagem. Então, a regra é basicamente escolher um pincel com cerdas pequenas e duras, como o de topo reto. Ele também serve para esfumar o delineado que você fizer com lápis;
  • Chanfrado: igual ao de topo reto, esse pincel tem cerdas finas e firmes. Pode ser mais fácil de usar para fazer linhas mais precisas.

Para sombra (6)

  • Angular: quando falamos de sombra, existem dois momentos: marcar o côncavo e depois aplicar o produto em toda a pálpebra. Assim, o pincel angular é aquele mais fino e denso que você usará para marcar o côncavo, ok?
  • Aplicador: já esse outro tipo de pincel é mais achatado e deve ser o escolhido na hora de depositar a sombra na pálpebra com precisão.

*Extra: Pincel estilo leque (7)

Você certamente já viu em uma das lojas da Spasso aquele pincel largo, que parece uma vassourinha, não é? Ele serve para tirar os resíduos de make da bochecha sem borrar nada. Mas tem gente que usa para aplicar pó e iluminador também!


Agora que você já aprendeu de forma simples e prática sobre os tipos de pincel para maquiagem, já sabe, né? Vem pra Spasso adquirir o seu kit! Conheça todas as nossas lojas e programe sua visita.