Protetor solar facial: como escolher o ideal para a sua pele

Protetor solar facial

Você é do tipo que só usa protetor solar facial no verão? Se sim, chegou a hora de mudar isso. Você precisa incluir esse produto na sua rotina diária de cuidados, viu? E mais do que isso, também precisa saber escolher o filtro ideal para o seu tipo de pele!

Isso porque, mesmo em dias frios e nublados, os raios ultravioletas (UVA e UVB) continuam sendo emitidos. E caso você não saiba, eles causam diversos efeitos nocivos na nossa pele, como envelhecimento precoce, manchas, aumento da flacidez e até mesmo câncer de pele.

É por isso que usar o protetor solar facial todos os dias é tão importante! Afinal, ele é responsável por proteger sua pele contra os efeitos nocivos da radiação ultravioleta e infravermelha.

Mas vamos falar a verdade: muitas pessoas, apesar de reconhecerem a necessidade de usar o filtro solar, ainda têm dúvidas na hora de escolher o produto. Então, vamos explicar neste blog como escolher o protetor solar facial ideal para seu tipo de pele e o que você precisa levar em consideração na hora de garantir o seu. Acompanhe!

O que você precisa saber antes de comprar seu protetor solar facial

Na hora de escolher um protetor solar facial, a primeira dúvida que surge é “O que é FPS?”. Você vai encontrar essa sigla em todos os filtros solares, então você pre-ci-sa saber tudo sobre isso. Ela significa Fator de Proteção Solar, ou seja, é ele que mede quanto tempo a pele exposta ao sol demora para ficar vermelha.

Por exemplo, se você usar um protetor com FPS 15, você demorará 15 vezes mais tempo para ficar vermelha no sol. É por esse motivo que pessoas com peles mais claras devem investir em um protetor solar com maior FPS, já que elas precisam de maior proteção contra os raios de sol.

Outra sigla que você precisa analisar na hora da compra é o PPD. Ela representa a forma de proteção contra os raios UVA, responsáveis pelo bronzeamento da pele após a exposição solar.

“Sempre preste atenção às siglas presentes nas embalagens dos protetores, já que a radiação é a principal causadora do envelhecimento precoce da pele”.

O ideal é que o PPD seja 1/3 do FPS. Ou seja, se você escolheu um protetor solar facial com FPS 30, o PPD precisa ter o valor a partir de 10, entendeu?

Mais um detalhe: a aderência do protetor à pele também é um fator que precisa ser analisado. E a lógica é a mesma do FPS: quanto maior a aderência, melhor. As versões em gel-creme são mais aderentes que as em gel e menos pesadas que os cremes. Além disso, para curtir os dias de sol, procure produtos que sejam resistentes à água, ok?

E é claro: sempre escolha um produto específico para o rosto! Isso evitará o nascimento de espinhas e, no geral, ajudará no controle da oleosidade e sensibilidade da pele.

Afinal, como escolher o protetor solar ideal?

Agora que você entendeu algumas informações essenciais sobre o protetor solar facial, é hora de aprender a escolher o produto ideal para seu tipo de pele. O primeiro passo é escolher a textura mais indicada para o seu resto. Veja só:

  • Oil free: essa é a textura que não possui óleo na composição. Isso significa que é a mais indicada para pessoas que têm a pele oleosa, mista e acneica.
  • Cremosa: essa opção é a que possui a textura mais hidratante. Por isso, é ideal para a pele seca ou que está ressecada.
  • Toque seco: essa textura garante um efeito matte que deixa a pele mais sequinha e lisa. Então, é o mais indicado para quem sofre com a pele oleosa.
  • Spray ou aerossol: esses protetores são indicados para todos os tipos de pele, mas precisam de mais filtros para serem efetivos. Na hora de aplicar, imagine que está pichando um muro para cobrir cada pedacinho da pele. E não se esqueça: nada de espalhar com a mão!

Leia também!

Cuidados com a pele madura: 3 dicas infalíveis para você

Como saber o seu tipo de pele do rosto? Descubra agora!

Fique ligada!

Você sabia que existem no mercado protetores solares físicos e químicos? Apesar de ambos servirem para proteger a pele, eles são desenvolvidos de formas diferentes. Por isso você precisa levar as características em consideração na hora de escolher o seu protetor. Olha só:

  • Filtro solar químico: indicado para todos os tipos de pele, esse tipo de protetor é o mais encontrado no mercado. Ele permite que os raios solares entrem na pele, porém, por conta dos agentes químicos, eles não causam danos. Além disso, o filtro solar químico espalha facilmente e é imperceptível na pele.
  • Filtro solar físico: esse tipo de protetor solar facial é composto de óxido de zinco e/ou dióxido de titânio, ambos ingredientes naturais que protegem contra os raios UVA e UVB. Neste caso, a proteção física não penetra na pele e os raios solares são refletidos. Por isso, é um protetor mais difícil de espalhar e você poderá ficar com o rosto levemente branco por conta da barreira física que ele faz na pele. É indicado principalmente para peles sensíveis e reativas!

Com ou sem cor?

Por fim, a última característica que você precisa analisar é: com ou sem cor? Isso porque existem diferenças entre os dois produtos, sim! Veja só:

  • Sem cor: é o protetor solar facial que descrevemos acima. Ele ajudará a proteger apenas contra a radiação solar.
  • Com cor: protege a pele contra a radiação solar e a luz visível, aquela emitida por celular, aparelhos eletrônicos e lâmpadas. O produto age como uma barreira física por conta dos seus pigmentos que ajudam a garantir essa proteção extra.

E aí, ficou mais fácil escolher o seu protetor solar?

 

 

Como evitar erros comuns na hora de aplicar o protetor solar facial

Por fim, agora que você sabe como escolher o protetor solar facial ideal para seu tipo de pele, é hora de aprender algumas regrinhas básicas para não cometer erros comuns na aplicação. Isso porque, dependendo da forma com a qual lidamos com o produto, a pele não fica devidamente blindada, viu? Então, veja só como usar seu filtro solar da forma correta.

  • Aplicação: não economize produto! Para garantir bons resultados, você precisa aplicar uma quantidade que seja suficiente para cobrir toda a superfície da pele. Além disso, é essencial se preocupar com todas as partes do rosto, incluindo os contornos.
  • Reaplicação: muitas pessoas acreditam que não é necessário reaplicar o protetor solar e passam horas seguidas expostas ao sol sem passar novamente o produto.

“Mesmo que o produto seja à prova d’água, é muito importante aplicar novamente na pele ao longo do dia.”

  • Atenção à sobrancelha e à linha do cabelo: segundo alguns dermatologistas, esses são lugares nos quais normalmente aparece o melanoma, o tipo de câncer de pele mais agressivo. Por isso, é muito importante aplicar o protetor solar facial nessas regiões também.
  • Limpar o rosto é importante: Não se engane: a primeira aplicação do protetor solar facial deve ser feita com o rosto limpo, viu? Então, antes de tudo, lave o rosto com um sabonete específico.
  • Protetor também precisa ser removido: apesar de muitas pessoas não saberem, o protetor solar facial também deve ser removido da pele antes de dormir. Para isso, utilize água e um sabonete específico para a higienização do rosto. Se seu protetor for muito oleoso, utilize um demaquilante para uma limpeza mais completa.
  • Não utilize o mesmo produto por vários anos: mesmo que o produto não esteja acabando, é importante verificar seu prazo de validade. Em todos os produtos de beleza, a validade é algo a se levar em conta, e com o protetor solar isso é essencial. Isso porque, com o tempo e as altas temperaturas a que é exposto, o protetor solar perde a sua eficácia.

Dica extra: atenção à maquiagem com protetor! Em muitos casos, a camada de maquiagem aplicada não cobre todo o rosto. Além disso, por ser uma camada geralmente fina, a maquiagem não garante proteção integral. Por isso, muita atenção à maquiagem com protetor que você está usando. Se necessário, aplique uma camada de protetor solar facial antes da make, ok?

 Para cuidar da sua beleza, conte com a Spasso Cosméticos!

Na Spasso Cosméticos, você encontra as melhores marcas e produtos incríveis para cuidar de você em todas as fases da vida. E para ficar ainda melhor, você também consegue tirar um tempinho para relaxar, viu? É para isso que fazemos ações promocionais super especiais ao longo do mês. Para participar, é só encontrar a loja mais próxima de você!

Cuidados com a tatuagem: 5 passos importantes para uma boa cicatrização

Decidir fazer uma tatuagem é sempre muito empolgante, não é? Mas se você finalmente criou coragem, saiba uma coisa muito importante: já no fim da sessão, é preciso começar os cuidados com a tatuagem. 

Esses cuidados serão muito importantes para que o desenho que você escolheu com tanto carinho continue bonito e também para que sua pele se mantenha saudável.

E como a Spasso é sua melhor amiga, viemos te ajudar nessa! Reunimos neste texto algumas dicas para você cuidar da tatuagem sem problemas. Então, vem ver!

Quais são os cuidados com a tatuagem nos primeiros dias?

Quando pensamos em fazer a tatuagem, é claro que nos preocupamos com o desenho e com o local. Você guarda mil inspirações, agenda conversas com o tatuador… até que decide ir!

Mas além disso, também é essencial estar prevenido para os cuidados com a tatuagem.

Muitas pessoas esquecem que a tattoo é uma ferida que precisa cicatrizar. É isso mesmo! Assim, os cuidados com a tatuagem devem começar logo após sair do estúdio, viu?

Olha só essas dicas importantes para te ajudar com a cicatrização.

#Cuidado com o filme plástico

Ele é utilizado por alguns tatuadores para proteger o desenho na hora de sair do estúdio, não é?

Mas cuidado! Ele não deve ser usado por muito tempo, pois deixa o local da tatuagem quente e úmido, além de poder facilitar a proliferação de bactérias no local. Então, sempre consulte o tatuador sobre o tempo que o plástico deve ser usado. 

#Faça a higienização corretamente

A higienização é o principal cuidado com a tatuagem, principalmente nos primeiros dias. É simples! Escolha um sabonete neutro e antibacteriano para a limpeza e, de preferência, use diariamente. 

#Pomada cicatrizante: a lei dos cuidados com a tatuagem

A pomada cicatrizante é muito indicada para a cicatrização e deve ser passada de 1 a 3 vezes por dia no local da tattoo. O ideal é apostar nos cremes cicatrizantes, que são ideais para prevenir as tão temidas infecções. 

#Evite exposição ao sol

A gente sabe que você adora ficar bronzeada, mas cuidado com a tatuagem no sol, viu? Em contato com a recém-tatuada pele, ele pode provocar um processo inflamatório que interfere na cicatrização e também na fixação dos pigmentos. 

#Não mexa na tatuagem

É normal a tatuagem coçar, porém, resista a essa vontade! Evite também tirar as casquinhas, já que isso pode deixar a pele exposta a infecções. 

Tenha cuidado com as atividades físicas, já que a produção de suor pode acabar deslocando a tinta que ainda não se acomodou na sua pele.

Cuidados com a tatuagem: por que evitar alguns alimentos?

A alimentação também é um fator muito importante para os cuidados com a tatuagem. Por isso, fique de olho no seu cardápio nas primeiras semanas. Aposte em alimentos ricos em vitaminas e nutrientes e beba muita água.

É claro que cada organismo reage de um jeito, mas alguns tatuadores recomendam evitar certos alimentos que podem prejudicar a cicatrização. Veja só:

  • Ovos e derivados: além de ser gorduroso, possui bactérias que podem causar infecções ou inflamações na sua tatuagem;
  • Chocolate: este alimento pode irritar a pele, causar coceiras e produzir espinhas no local;
  • Carne de porco e embutidos: além de extremamente gordurosos, podem possuir bactérias que comprometam a pigmentação e causar inflamações e infecções;
  • Pimenta: por ser um alimento “quente” pode causar espinhas, vermelhidão e coceiras.

E após a cicatrização, a tatuagem ainda precisa de cuidados? 

Os cuidados com a tatuagem são importantes durante toda a vida! Essas dicas vão garantir que o desenho da sua tattoo continue com a cor bonita e com aparência de nova.

Então, lembre-se: o sol é um dos piores inimigos da tatuagem. Se a região fica normalmente exposta ao sol na sua rotina, aplique protetor solar todos os dias. Em momentos de piscina ou praia, o cuidado precisa ser redobrado. Passe o produto várias vezes ao dia, ok?

Além disso, para manter a região da tatuagem sempre saudável, hidrate o local sempre! Para isso, invista em bons hidratantes para que a cor da tatuagem não fique com aparência opaca e desbotada. 

Não tem segredo: cuidando direitinho, sua tatuagem vai ficar sempre com aspecto saudável e bonito!

Onde encontrar os produtinhos necessários?

Agora que você aprendeu tudo sobre os cuidados com a tatuagem, passe na Spasso! Aqui você encontra todos os produtinhos necessários para cuidar da pele e ainda fica prevenida para todas as ocasiões. Encontre a loja mais próxima de você!

Como saber o seu tipo de pele do rosto? Descubra agora!

Normal, seca, oleosa ou mista: faça o teste e saiba de qual tipo é sua pele

Você sabia que o tipo de pele do rosto pode influenciar (e muito!) nos seus cuidados com ela? Isso porque há indicações específicas para evitar manchas e vermelhidões, por exemplo, que dependem das características de cada tipo de pele. Por isso, produtos para tratamentos faciais, cosméticos e maquiagens devem estar alinhados a essas especificações. Mas calma, a Spasso te ajuda a identificar seu tipo de pele do rosto bem rapidinho, olha só!

Características de cada tipo de pele do rosto

Mesmo que as características da sua pele sejam determinadas pela sua genética, o estado da pele pode variar. Diversos fatores, internos e externos, têm influência nisso. Veja as características de cada tipo de pele do rosto e já tente identificar alguns pontos da sua:

Peles normais são aquelas que têm equilíbrio entre o sebo e a umidade. Em geral, esse tipo de pele do rosto não é nem muito seca nem oleosa.

Assim, peles normais têm poros finos e uma textura suave, macia e lisa. A única região que apresenta um pouco de oleosidade é a zona T (testa, queixo e nariz), mas nada excessivo.

Peles secas são aquelas que não conseguem reter água em quantidades suficientes para a pele. Isso acontece pela baixa produção de lipídeos (sebo).

Esse tipo de pele é mais rígido e áspero e transmite uma sensação de opacidade. Peles secas tendem ainda a ser mais sensíveis e podem ter variações que precisam de atenção, como as extremamente secas.

Peles oleosas são aquelas com alta produção de lipídeos. O brilho e a umidade em todo o rosto são características específicas desse tipo de pele do rosto. Outra característica que você pode reparar é no tamanho dos poros: costumam ser mais abertos e visíveis.

Por conta da quantidade excessiva de gordura, cravos e espinhas também são sinais de pele oleosa.

Peles mistas apresentam oleosidade especificamente na zona T ou nas bochechas, enquanto o resto do rosto tende a ser mais seco.

Peles sensíveis não estão tão relacionadas ao equilíbrio entre a água e o sebo do rosto e sim à tolerância a fatores externos. Isso porque uma pele sensível reage ao contato com o ambiente externo, por exemplo, à exposição ao sol ou às baixas temperaturas.

Geralmente, esse tipo de pele é bem vascularizado e as pessoas estão sempre levemente avermelhadas.

Mas como saber o tipo de pele do seu rosto?

Hora do teste! Para identificar qual seu tipo de pele do rosto é muito simples: passe um lenço de papel limpo no rosto. Uma boa dica é fazer isso assim que você acordar!

Observe o lenço em um lugar com bastante claridade e analise os resultados:

  • Pele normal: o lenço ficará limpo e sua pele suave
  • Pele oleosa: o lenço ficará sujo
  • Pele seca: o lenço ficará limpo, mas você terá a sensação de que sua pele está ressecada, como se estivesse repuxada
  • Pele mista: o lenço apresentará pouca sujeira
  • Pele sensível: o lenço ficará limpo, mas sua pele ficará avermelhada e com uma leve coceira

E aí? Como ficou seu lenço?

Lembre-se: este é um teste simples que você pode fazer em casa, mas antes de iniciar qualquer tratamento, consulte um dermatologista.

Cuide da pele do seu rosto!

A Spasso Cosméticos tem produtos para todos os tipos de pele do rosto. Para encontrar a loja mais próxima de você clique aqui!

5 dicas para disfarçar as olheiras

Quem nunca teve olheiras na vida que atire a primeira pedra. Elas são a razão do  desconforto e da insatisfação de muitas mulheres, já que podem levar o visual por água abaixo. Quer fugir desse problema? Então confira as 5 dicas para disfarçar as olheiras que selecionamos para você.

Entenda: o que são e por que temos olheiras?

As olheiras são causadas pelos vasinhos de sangue que se tornam visíveis sob a fina pele dos olhos. Elas podem ser resultado da sua genética, mas também existem outros fatores que podem causá-las. Desidratação, consumo de álcool, noites mal dormidas e até mesmo a TPM estão na lista de culpados.

Então como evitá-las? Além, é claro, de manter seu sono em dia, ter uma alimentação equilibrada e beber muita água são fundamentais. Mas se você acordou, se olhou no espelho e deu de cara com elas, confira nossas dicas para disfarçar as olheiras.

5 dicas para disfarçar as olheiras

1) Seu amigo para tudo: o protetor solar!

Você sabe que o protetor solar deve ser seu aliado para proteger a pele, não é mesmo? Por isso, é bom lembrar. Como a pele abaixo dos olhos é ainda mais sensível, dê uma atenção especial a ela. Espalhe o protetor com cuidado e, se for ficar muito tempo ao ar livre, passe uma camada um pouco mais grossa.

2) Água fria sim!

Uma das principais dicas para disfarçar as olheiras é ter cuidado na hora da limpeza facial. Nesse momento, corra da água quente! Isso porque ela acentua a pigmentação mais escura nessa região do rosto. Então, não se esqueça: quanto mais fria a água, mais ela vai acalmar a sua pele. A água nessa temperatura ajuda ainda a fechar os poros, o que é ótimo, não é?

3) Corretivo na medida certa 

Para ter mais sucesso na missão de esconder as olheiras indesejadas, o corretivo é essencial! Nesse caso, prefira os produtinhos sólidos ou cremosos. Isso porque eles normalmente têm uma cobertura melhor e não saem da pele tão fácil. Já na hora de escolher a cor, escolha aquela com tom parecido com o da sua pele, ou um tom abaixo.

Importante: para essa região do olho, os corretivos coloridos também servem. O ideal são os de tons de pêssego e avermelhados. Já aqueles mais amarelados, é melhor evitar. Anote essas e as outras dicas para disfarçar as olheiras sempre com você! Assim não tem erro na hora de comprar os produtos.

4) A sombra também pode te ajudar!

Quando queremos suavizar as manchas abaixo dos olhos, um truque de maquiagem também pode ajudar. Aposte nas sombras nudes e com um brilho leve, em tons um pouco mais escuros que o da sua pele. Isso porque tons mais claros deixam as partes escuras em evidência, o que você quer evitar, não é?

5) Dica de ouro

Vai passar uma make e quer camuflar de vez as olheiras? Então anote essa dica de ouro: passe lápis branco ou bege na linha d`água. Além de abrir ainda mais os olhos e deixá-los mais iluminados, ele muda o foco para essa área. Assim, a atenção vai toda para essa área mais clara.

 

 

Como deixar a pele menos oleosa? – Dicas para controlar a oleosidade

O brilho e a oleosidade te incomodam? Confira dicas simples para manter a pele oleosa sob controle!

O excesso de brilho é um sintoma inconfundível de quem tem pele oleosa. Com o passar do dia, a oleosidade se acumula e o drama só aumenta. Para completar o quadro, surgem os cravos e as espinhas. Se identificou com essa situação? Então saiba como deixar a pele menos oleosa e confira dicas para controlar a oleosidade que insiste em atrapalhar o seu dia!

Mas primeiro entenda: por que a pele fica oleosa?

A pele ao longo do dia elimina uma quantidade de sebo através das glândulas sebáceas. Isso é uma forma de lubrificação e proteção natural. Porém, no caso de quem tem a pele oleosa, as glândulas sebáceas produzem mais sebo do que o necessário.

A verdade é que entre os principais motivos pelos quais isso ocorre está a genética e o desequilíbrio hormonal. Mas, existem também alguns fatores externos que podem influenciar no aumento da oleosidade da pele.

Então, como deixar a pele menos oleosa?

Para fugir da oleosidade, você primeiro precisa parar de cometer alguns erros comuns. Veja:

  • Exposição excessiva ao sol: O sol estimula as glândulas sebáceas a produzirem mais sebo, aumentando ainda mais oleosidade. Por isso, além de usar protetor solar, evite o excesso de sol!
  • Usar os cosméticos errados: Quem tem pele oleosa precisa investir em produtos que sejam adequados ao seu tipo. Caso contrário, o cosmético só irá piorar a oleosidade.
  • Alimentação: Carboidratos que contém farinha branca como pão, macarrão e biscoitos estimulam a produção do sebo. Presta atenção em como está sua alimentação!

Dicas para controlar a oleosidade

Além de mudar seus hábitos, você pode ter um ritual de beleza diário que inclua estas dicas! Confira:

1) Lave o rosto duas vezes ao dia.

Embora muitas pessoas pensem que lavar o rosto é a principal forma de deixar a pele menos oleosa, saiba que a frequência com que isso é feito pode ter efeito contrário! Quanto mais você lavar, mais a pele entenderá que está desprotegida e irá produzir mais sebo. A dica é lavar o rosto duas vezes ao dia: ao acordar e antes de dormir.

2) Fuja da água quente!

A temperatura da água também influencia na oleosidade. Quando muito quente, ela remove o sebo e incentiva o organismo a produzir ainda mais. Por isso, prefira a água em uma temperatura mais fria.

3) Hidrate.

Ao contrário que se pensa, a pele oleosa também precisa ser hidratada. Existem inclusive hidratantes específicos para este tipo de pele que ajudam a fechar os poros, deixando a pele mais equilibrada, o que reduz o brilho.

4) Atenção na maquiagem!

Graças ao brilho que se acumula ao longo do dia a tendência é tentar disfarçar abusando da maquiagem. Porém, isso pode piorar a oleosidade, principalmente se foram utilizados produtos cremosos. A dica é usar o pó compacto para deixar a pele mais sequinha e nunca se esquecer de remover completamente a make antes de dormir!

5) Tenha sempre um lencinho.

Ao longo do dia, use um lencinho para retirar o brilho do rosto. Basta dar leves batidinhas na pele. O lenço irá absorver o óleo e deixar a pele mais seca, sem retirar a maquiagem.

Na Spasso você encontra tudo o que precisa para deixar a pele menos oleosa!

A Spasso Cosméticos tem os melhores produtos para você controlar a oleosidade da sua pele! Encontre a loja mais próxima de você!